Vegetarian way of life

O comportamento por trás deste estilo de vida. Nutrição, meio ambiente, vida animal, ética, consumo e comportamento, sob a ótica dos vegetarianos, veganos e simpatizantes. Aqui tudo se debate, mas nem tudo se come !!!

Monday, August 07, 2006

Mc Veggie, por que não ???


Sem sombra de dúvida, tornar-se vegetariano ainda requer uma série de privações que, em maior ou menor intensidade, acabam influenciando o convívio social.

Obviamente que, por se tratar de uma escolha que dá mais valor à vida do que aos "prazeres sociais" este comparativo acaba tornando-se irrelevante, fazendo que nos adaptemos a comer comidas preparadas por nós mesmos, ou restringirmos nossas refeições fora de casa a alguns restaurantes que possam nos atender.

Muitos vegetarianos se mostram contra a idéia de uma opção de sanduíche vegetariano no Mc Donald's, já outros aceitam a idéia com mais simpatia tendo em vista as restritas formas de ser atendido em algum estabelecimento que tenha o mínimo de conhecimento sobre sua opção alimentar. Convenhamos que a opção de salada do Mc Donald's, apenas de ter sido um início, está longe de ser considerado um atendimento digno aos vegetarianos, afinal de contas, diferentemente do que alguns pensam, não vivemos apenas de folhas.

Mas ainda que tivéssemos uma opção de um sanduíche vegetariano ou até vegano dentro da cadeia do palhaço Ronald, muitos vegetarianos se recusariam a comê-lo por diversas razões.

Vamos nos ater as questões importantes para os vegetarianos, caso contrário entraríamos em outros temas como o boicote efetuado contra a marca por ser um ícone do capitalismo e globalização, e apesar de acreditarmos que estes poderiam ser conduzidos de outra maneira, não estamos interessados em debater isso aqui.

Algumas das mais óbvias razões pela qual um vegetariano não consumiria um hambúrguer vegetariano do Mc Donald's é o fato da rede vender inúmeros produtos envolvidos na exploração e morte de animais, o que trás indignação para aqueles que abraçaram o vegetarianismo pela causa animal. Algo que poucos sabem e merece comentários é o fato do Mc Donald's ser referência mundial na busca de formas de minimizar o sofrimento dos animais nos processos de produção, o que particularmente consideramos uma evolução, uma vez que eles não deixarão de vender carne, ainda.

Apesar de ser compreensível o raciocínio do boicote a rede, enfrentamos um julgamento de valores nesta situação, de um lado ajudar a financiar uma indústria já estabelecida com o consumo de carne, e de outro incentivarmos esta mesma indústria a ingressar em um caminho novo e livre de crueldade com os animais.

Devemos considerar que um olhar realista para o mundo atual jamais trará a possibilidade de uma grande mudança da noite para o dia nos hábitos de consumo alimentares, salvo por doenças como a vaca louca, gripe do frango e afins, ou por meio da conscientização dos consumidores em relação ao processo de produção da carne. Levemos em conta a informação como uma das nossas melhores ferramentas para a divulgação do vegetarianismo, neste sentido devemos lembrar que, quanto o maior número de locais vendendo opções vegetarianas e divulgando isto, melhor será para a causa, seus participantes e o ingresso de mais pessoas na opção alimentar.

O boicote por parte dos vegetarianos a uma iniciativa de uma grande marca ou rede que coloquem produtos voltados a esse público será interpretada de duas formas, a primeira e mais provável é que não há mercado consumidor para estes produtos, e a segunda e que somente seria identificada por pesquisas é a de que os vegetarianos não estão interessados em produtos de empresas que também vendam carne e pretendam atender este mercado.

Não acreditamos que nenhuma das duas seja vantajosa para nós o vegetarianismo, em especial a segunda interpretação, na qual conclue-se que os vegetarianos estão boicotando estes produtos, pois não teremos a oportunidade nem a curto ou médio prazo de frequentarmos uma rede de lanchonetes ou comprarmos um produto de empresas genuinamente vegetarianas.

Infelizmente a mudança só acontecerá nas empresas quando os consumidores mostrarem que querem opções vegetarianas, fazendo desse um novo mercado a ser trabalhado, com respeito aos princípios que movem o consumo vegetariano.

Abraços.

* a foto ilustra um espaço no MC donald's possívelmente de alguma região daÍndia onde não se vende carne, quem sabe um dia chegaremos lá.

3 Comments:

At 8:15 AM, Anonymous alezita said...

Eu não recusaria!!! Seria maravilhoso se todas as redes de fast food tivessem opções veggie. E não sou a favor do boicote pelo fato do mesmo limitar muito as poucas opções que temos...
E posto que a tendência é a cada dia o número de vegetarianos aumentar, breve teremos opções variadas do que comer e de onde comer. Estou até me imaginando fazendo um pedido: - Um número 6 (mc veggie com fritas, refri e de quebra uma sobremesa)
Que tal???

 
At 10:07 AM, Anonymous Pedro Melo said...

Eu acho que noao seira legal nao...
Pensa bem, se cadeias como o McDonalds aderissem o vegetarianismo, ia virar uma zona.
Eles usariam produtos em grande quantidade (a qualidade cairia), quimicas seriam adicionadas aos produtos, ou seja, ao meu ponto de vista, se cadeias de Fast Food aderissem ao vegetarianismo, a qualidade da comida nao melhoraria significativamente, pois os aditivos, sabores artificiais, etc... ainda estariam la...
EX: Compare uma batata frita do McDonalds com uma batata frita feita em casa, qual eh a mais saudavel?

 
At 6:30 PM, Anonymous Anonymous said...

Pera lá Pedro... Mc é algo que come-se esporadicamente, e no meu ponto de vista uma química de vez em nunca não faz mal a ninguém :-)

 

Post a Comment

<< Home